terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Resenha: Um caso perdido

Postado por Ingrid Wildberger às 12:15 1 comentários
Nome do livro: Um caso perdido
Ano de publicação: 2014
Autora: Collen Hoover
Editora: Galera Record
Lido em: Julho de 2014
Páginas: 384

Nota: 

Sinopse: Às vezes, descobrir a verdade pode te deixar com menos esperança do que acreditar em mentiras... Em seu último ano de escola, Sky conhece Dean Holder, um rapaz com uma reputação capaz de rivalizar com a dela. Em um único encontro, ele conseguiu amedrontá-la e cativá-la. E algo nele faz com que memórias de seu passado conturbado comecem a voltar, mesmo depois de todo o trabalho que teve para enterrá-las. Mas o misterioso Holder também tem sua parcela de segredos e quando eles são revelados, a vida de Sky muda drasticamente.
Resenha: Eu nem acredito como eu ainda não fiz essa resenha antes! Eu AMO esse livro! Mas vamos começar: o livro "Um caso perdido" é o primeiro livro da trilogia "Hopeless" escrito pela autora Collen Hoover. Sky Davis é uma garota de 17 anos, que mora com Karen, sua mãe adotiva, ela sempre estudou em casa e nunca teve contato com a tecnologia(televisão, computador, celular), pois sua mãe não é fã de tecnologia e acha que os livros é a chave para tudo. Sky tem uma melhor amiga chamada Six, ambas "colecionam" relacionamentos, e todos eram superficiais, mas nunca chegava aos finalmente com nenhum deles, ela também não se deixava se envolver emocionalmente, nunca sentiu que aquele cara era O cara certo, e com isso para ela sempre era uma diversão. Prestes a completar 18 anos, Sky convence a mãe que ela queria terminar seus estudos em um colégio, mesmo com fama de "puta" por ela ficar com tantos homens, ela não se importava com essa fama, só queria terminar os estudos como todo mundo terminava: em um colégio com vários colegas. Um belo dia, ela sem querer, acaba conhecendo Dean Holder, um cara lindo, forte, com covinhas, estilo bad boy e que tem uma tatuagem escrito "hopeless", e ele vai virar a vida de Sky de cabeça pra baixo, vai te tirar da sua zona de conforto. Dean Holder é um "caso perdido" e assim como Sky ele também tem uma má fama. Com o tempo Sky e Holder vão criando um relacionamento intenso e cheio de história, mas nem todo relacionamento são como rosas em campos cheio de flores, com o sentimento que ela tem por ele, Sky acaba desencadeando lembranças terríveis vindas de um passado trágico que há muito tempo ela reprime. 
        É um livro muito envolvente e um pouco chocante, para quem não esta acostumado com este tipo de leitura eu diria que é um livro pesado. Não é simplesmente um livro de romance, é um livro trágico, de suspense e muito drama, e claro impactante. Eu não estava acostumada de ler livros com temas sérios, e por isso eu fiquei muito impactada com ele, mas no final deste livro, me fez pensar bastante a respeito da nossa realidade. É uma leitura que te envolve com muita facilidade, e eu recomendo para todo mundo ler. 
       Para os amantes deste amado livro, e para quem esta ansioso, como eu estou, a editora Galera Record está lançando o seu segundo livro "Sem Esperança" vai entrar nas livrarias em Março(se eu não me engano) deste ano de 2015. Estou muito ansiosa para descobrir a história por trás de Holder, o que ele pensa sobre tudo isso, e seus sentimentos. 

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

TAG: Hábito de leitura

Postado por Ingrid Wildberger às 11:49 0 comentários
Olá pessoal, como vocês estão? Pra quem não sabe o blog tem um instagram @livrosdamadrugada, e eu vi essa TAG no Instagram da @amorporliteratura_ (sigam esse insta, ela é fabulosa!), me interessou bastante a TAG e vim fazer aqui no blog para vocês. Então vamos lá?! 

1 - Você tem um lugar específico na sua casa para ler?
Eu leio em todos os lugares da casa, mas eu amo ler no meu quarto e no quarto do meu irmão(quando eu durmo lá), para mim são os dois lugares mais aconchegantes para ler um bom livro, ainda mais deitada na cama. 

2 - Marcador de página ou um pedaço aleatório de papel?
Marcador de página, com toda certeza! Claro que se eu começar um livro em um lugar onde eu não esteja com o meu marcador, ai coloco um papel qualquer, mas na maioria das vezes é um marcador de página. Para quem não sabe eu coleciono marcadores e tudo que é relacionado(em breve farei post sobre isso). 

3 - Consegue simplesmente parar de ler ou tem que terminar o capítulo ou um número de páginas específicas?
Depende muito. Quando eu estou de férias eu leio muito durante a tarde, e eu consigo terminar um capítulo , e se o livro me envolver muito eu leio mais que um capítulo. Mas quando as aulas da faculdade voltam, eu leio geralmente de noite(pois é o único tempo livre), e na maioria das vezes eu fico cansada ai eu nem termino o capítulo, eu paro no meio e termino no outro dia. 

4 - Você come ou bebe durante a leitura?
Quando estou com aquela fome de não aguentar mesmo e estou lendo um livro, eu pego algo para comer e continuo lendo, mas eu evito comer quando leio, pois eu tenho medo de sujar o livro. Antigamente tomava café ou capuccino lendo, mas por motivos de saúde tive que parar com o meu vício do café(#saudadescafé), ai eu hoje em dia tomo uma água ou um chá para ler. 

5 - Música ou tv enquanto está lendo?
Eu gosto de ler em silêncio, não consigo me concentrar com barulho no fundo, no máximo a televisão só com a imagem e sem som. 

6 - Um livro de cada vez ou vários ao mesmo tempo?
Um livro de cada vez, por favor. Eu não consigo ler mais de um livro, eu já tentei ler dois livros ao mesmo tempo, e não deu muito certo, acabei confundindo as histórias, ai depois desse dia preferi ler um livro de cada vez; 

7 - Ler em casa ou em qualquer lugar?
Eu geralmente leio em casa, não consigo ler na fila de um banco ou algo parecido. Os únicos lugares que eu consigo ler, é quando eu chego muito cedo na faculdade ai eu sento e fico lendo até a aula começar ou até eu falar com algum colega, ou na casa do meu namorado. 

8 - Ler em voz alta ou em silêncio na sua própria cabeça?
Ler em voz alta só quando eu estou alguma matéria difícil da faculdade, fora isso, eu geralmente leio em silêncio, principalmente livros de literatura, eu prefiro ler na mente que eu entendo melhor.

9 - Você lê o que está na frente ou até pula as páginas?
As vezes olho algumas coisas, mas sou contra spoilers, e por conta disso eu não pulo páginas. 

10 - Rachar a lombada ou manter o livro como novo?
Eu nunca destruiria meu livro(já disse que sou contra o "Destrua este diário"?!), eu tenho muito cuidado com todos os meus livros, sempre limpo a estante e limpo eles, descobri esses dias que alguns livros estavam com as folhas amareladas, e me perguntei o poque, mas descobri que era o tipo do papel. Mas todas as lombadas e capas são muito bem cuidadas. 

11 - Você escreve nos seus livros?
Não, eu geralmente não escrevo nos meus livros, mas eu acho que vou começar a escrever os meus nomes em lápis e com delicadeza nos meus livros, para saber que é meu. Mas fora isso eu não escrevo neles, e nem risco. 

Bom pessoal, é isso ai. Espero que tenham gostado da TAG, e em breve terá mais. 

Resenha: A Escolha

Postado por Ingrid Wildberger às 11:10 0 comentários
Nome do livro: A Escolha
Ano de publicação: 2014
Autora: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Lido em: Fevereiro de 2015
Páginas: 352

Nota: 

Sinopse: A Seleção mudou a vida de trinta e cinco meninas para sempre. E agora, chegou a hora de uma ser escolhida. America nunca sonhou que iria encontrar-se em qualquer lugar perto da coroa ou do coração do Príncipe Maxon. Mas à medida que a competição se aproxima de seu final e as ameaças de fora das paredes do palácio se tornam mais perigosas, América percebe o quanto ela tem a perder e quanto ela terá que lutar para o futuro que ela quer. Desde a primeira página da seleção, este best-seller #1 do New York Times capturou os corações dos leitores e os levou em uma viagem cativante ... Agora, em A Escolha, Kiera Cass oferece uma conclusão satisfatória e inesquecível, que vai manter os leitores suspirando sobre este eletrizante conto de fadas muito depois da última página é virada.
Resenha: É o ultimo livro da trilogia "A Seleção" da autora Kiera Cass, eu fiquei um pouco triste quando terminei a trilogia, pois eu estava gostando muito do livro, e estava torcendo com todas as forças por America. O livro terminou de uma forma triste e alegre, na minha opinião. Neste livro, vamos encontrar America determinada a conquistar o príncipe Maxon, e vamos ver muitos conflitos entre ela e o rei, por conta do que esta acontecendo em Illeia. Não tenho muito o que contar sobre ele, pois senão eu irei da spoiler e não acho justo com vocês. Mas o que eu tenho que falar, é que vale a pena ler a trilogia toda, pois é excelente, a forma como Kiera Cass escreve, simplesmente me prendeu de um jeito que eu não queria largar mais o livro. 

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Resenha: O Projeto Rosie

Postado por Ingrid Wildberger às 13:10 4 comentários
Nome do livro: O Projeto Rosie
Ano de publicação: 2013
Autora: Graeme Simsion
Editora: Record
Páginas: 320

Nota: 

Sinopse: Don Tillman, 39 anos, musculoso e tão bonito quanto Gregory Peck, é professor de genética e nunca teve uma namorada. Em seu estrito cronograma de atividades, todas as tarefas são calculadas para garantir o menor desperdício de tempo. Nada de imprevistos ou de surpresas; diretrizes para que Don não precise recorrer às suas baixíssimas habilidades sociais. Mas, na busca pela esposa perfeita, ele vai precisar de muito mais que a ajuda do questionário que desenvolveu para selecionar candidatas. E, quando Rosie Jarman entra em seu escritório - um exemplar totalmente inadequado ao seu perfil -, o imprevisto, o impulso e a emoção passam a ser as novas regras. 
Resenha: Eu confesso que eu comprei o livro pela capa, porque ela é linda, e também pensei que iria ser uma história bem bacana. Mas na minha opinião, o livro não é muito bom, eu achei o livro meio cansativo, enrolei muito para ler. Mas vamos lá: 
       O livro é narrado por Don Tillman, um geneticista extremamente solitário. Leva a vida toda regrada, tudo do dia dele tem que ser programado, e se tiver algo fora do lugar ele fica incomodado. Tem poucos amigos e sente falta de ter sua cara metade, ou seja, uma esposa. E para conseguir uma esposa, ele inventa de fazer um questionário de seleção para as "selecionadas" e começa a distribuir as interessadas. Até que um belo dia, ele se bate com Rosie, uma mulher que nem sabia do questionário, mas vira sua vida de pernas pro ar. E a partir daí tudo começa. 
       Eu achei a historia um pouco fofinha, mas não encheu meus olhos, por isso eu dei a nota tão baixa. Mas não desanimem por eu estar falando isso, pois conheço várias pessoas que adoraram o livro, então se você gosta de uma história de amor fofa e um pouco divertida com ar de cientista, então você vai gostar. 

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Resenha: A Elite

Postado por Ingrid Wildberger às 16:13 0 comentários
Nome do livro: A Elite
Ano de publicação: 2013
Autora: Kiera Cass
Editora: Seguinte
Lido em: Janeiro de 2015
Páginas: 354

Nota: 

Sinopse: A Seleção começou com 35 garotas. Agora, restam apenas seis e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Mas  sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto. America precisa de mais tempo. Mas, enquanto ela está às voltas com o seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer - e ela está prestes a perder sua chance de escolher. 

Resenha: Em "A Elite" é a segunda fase da Seleção, onde restam apenas seis garotas disputando a coroa. Porém, durante o livro, encontramos America um pouco perdida e cheia de dúvidas. Quando Maxon revela os reais sentimentos, ela começa a se perguntar se a coroa e a vida no palácio é o que ela realmente quer, pois é uma realidade diferente do que ela esta acostumada. Mas ela fica em uma luta interna, em um triângulo amoroso, pois não sabe a quem decidir se ela quer Maxon ou Aspen, e ela se sente insegura com Maxon ao fatos que ocorrem durante a história. É um livro que tem que ter muita paciência ao ler, pois quando você acha que ela conseguiu encontrar a resposta, ela vai e cria confusão atrás da outra. O livro também, envolve muito pro lado político, a cada capítulo tem questionamentos sobre a política no país. 
         Não tem muito o que falar sobre o livro, pois se eu comentar mais eu vou dar spoilers(e eu não quero isso). Mas eu estou muito ansiosa para o terceiro livro, para finalmente descobrir o que vai acontecer no final de tudo! 

 

Livros da Madrugada Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos